História

O ano era 1991. A necessidade constatada por empresários do setor de serviços de se ter uma entidade que os representasse nacionalmente fez nascer a Federação Nacional das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas - Fenacon.

No dia 26 de abril daquele ano, então, a Entidade foi fundada na cidade São Paulo-SP, tendo como filiados nove sindicatos - São Paulo, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Distrito Federal, Santa Catarina, Caxias do Sul, Paraná, Minas Gerais e Ceará.

Com a consolidação da atuação política da entidade, constatou-se a necessidade de transferir suas instalações para Brasília, centro das decisões políticas do país.

Hoje a entidade tem abrangência nacional, contando com 37 sindicatos, distribuídos nos 26 Estados e no Distrito Federal. Esses sindicatos representam aproximadamente 400 mil empresas que atuam nas áreas de contabilidade, assessoramento, perícias, informações e pesquisas.

Filiada à Confederação Nacional do Comércio (CNC), a Fenacon tem se consolidado como legítima liderança na representação do setor de serviços. A Entidade atua diretamente no combate à alta carga tributária, na diminuição da burocracia, na geração de mais empregos, além de lutar por políticas públicas que garantam mais desenvolvimentos às empresas brasileiras, sobretudo as micro e pequenas.